Diretor do DOF acompanha incineração de quase 40 toneladas de drogas apreendida no MS

- 23/06/2015 - 0:00 | 0 comentários
Segurança Pública


24fae0cf4e190078d5b9896e00870cd9

Parte das mais de 110 toneladas de drogas apreendidas em Mato Grosso do Sul neste ano foram incineradas em Campo Grande, na manhã desta terça-feira (23), no Frigorífico JBS Friboi, na saída para Sidrolândia.

Foram incinerados maconha, cocaína, crack, haxixe e sintéticos como o LSD, que foram tirados de circulação pelas forças de segurança, sendo que dessa quantia, mais de 15 Toneladas foram apreendidas pelo DOF na faixa de fronteira do Estado, neste primeiro semestre de 2015.

De acordo com dados do Ministério da Justiça, Mato Grosso do Sul é recordista nacional em apreensões de drogas, com a quantidade histórica de 230 toneladas tiradas de circulação em 2014, número jamais alcançado por um estado brasileiro e que deve ser superado este ano. “Já contabilizamos 110 mil quilos neste primeiro semestre, o que representa 40 toneladas a mais em comparação ao mesmo período do ano passado, apontando um crescimento nas apreensões realizadas e indicando que muito provavelmente quebraremos o nosso próprio recorde”, explica o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Sílvio Maluf.

Ary Carlos Barbosa, Diretor do DOF, e responsável por grande parte das apreensões principalmente de maconha no estado, atribui o crescimento das apreensões a produção no país vizinho e a experiência dos policiais do DOF. “A faixa de fronteira é muito extensa em nosso estado e, se os policiais não forem experientes, motivados e instruídos, não conseguiriam efetuar mais de 15 Toneladas em apreensões de drogas”, afirma.


Deixe um Comentário