Médicos da Central de Regulação entram em greve e apenas urgência é atendida

- 06/06/2016 - 0:00 | 0 comentários
Saúde


Os médicos municipais que atuam na CERA (Central Estadual de Regulação) entraram de greve nesta segunda-feira (06) por tempo indeterminado. Segundo o SinmedMS (Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul), eles estão sem receber há dois meses.  

“Até o momento, nenhuma resposta foi enviada ao SinMed pela Sesau ao ofício encaminhado no dia 18/05 questionando o motivo do atraso e solicitando informações sobre a respectiva regularização do pagamento dos plantões”, revelou o Diretor de Comunicação Social, Jornalismo e Marketing do SINMED/MS, Renato Figueiredo.

Segundo Sinmed/MS, a categoria mantém 30% do atendimento de urgência, conforme determinado por lei.

A paralisação foi decidida de forma unânime durante assembleia, realizada no dia 23 de maio na Central Estadual de Regulação. A categoria informou ainda que vem tentado resolver a questão junto à Prefeitura, porém até o momento não recebeu respostas sobre o atraso.

A Prefeitura informou que o pagamento será feito nos próximos dias. A falta de pagamento dos plantões de março e abril foi devido, segundo prefeitura, atraso no repasse do Governo. 

Via: Midia Max


Deixe um Comentário