Prefeito de Corumbá recebe diretor da Aena, que assume aeroporto do Município

De acordo com o diretor de Relações Institucionais da Aena, o Aeroporto de Corumbá receberá melhorias com finalidade de deixá-lo mais seguro, sustentável e confortável aos passageiros

Prefeitura de Corumbá - 09/11/2023 - 19:28 | 0 comentários
Geral


Prefeito Marcelo Iunes com diretores da Aena. Foto: Clóvis Neto

O prefeito Marcelo Iunes reuniu-se na manhã desta quinta-feira, 09 de novembro, com o diretor de Relações Institucionais da Aena, Marcelo Bento. No encontro foi apresentado o plano de investimentos que a companhia fará no Aeroporto Internacional de Corumbá. A Aena assume a administração do terminal aeroportuário no primeiro minuto da sexta-feira, dia 10. O secretário Municipal de Governo, Luiz Antônio Pardal, participou da reunião.

“Ficamos felizes com os investimentos que serão feitos no aeroporto. Isso permitirá trazer mais voos para a nossa cidade”, disse o chefe do Executivo Municipal. Iunes destacou que a Prefeitura intensificou a articulação com companhias aéreas para trazer novos voos, entre rotas nacionais e internacionais. “Temos um turismo forte, que não se resume somente à pesca; temos o turismo contemplativo e também o comercial, com os freeshops que começaram a se instalar em Corumbá”, completou o prefeito.

De acordo com o diretor de Relações Institucionais da Aena, o Aeroporto de Corumbá receberá melhorias com finalidade de deixá-lo mais seguro, sustentável e confortável aos passageiros. Marcelo Bento explicou que nos próximos dois anos e meio a companhia terá que “entregar um terminal com praticamente o dobro do tamanho atual, no terminal de passageiros, trazendo muito mais conforto para os clientes que embarcam e desembarcam. Sendo totalmente climatizado, com novos espaços comerciais e grande adequação da área de pistas de pátio para tornar o aeroporto mais seguro ainda.Nosso papel é criar áreas de escape nas cabeceiras da pista, colocar sistema de iluminação de aproximação e também adequar o pátio de parada das aeronaves para até quatro aeronaves comerciais e aeronaves da aviação geral com os espaçamentos necessários”, afirmou.

Também participaram da reunião o secretário Municipal de Segurança Pública e Institucional, César Freitas Duarte; a diretora-presidente da Fundação de Turismo do Pantanal, Elisângela Sienna; e o chefe de Gabinete, José Carlos Macena de Britto Júnior.

Os investimentos

A Aena planeja uma ampliação de cerca de 50% no terminal de passageiros, passando dos atuais 1.950 metros quadrados para 2.850 metros quadros. Para aumentar a segurança, a Aena irá instalar um PAPI (Indicador de Trajetória de Aproximação de Precisão) em uma das cabeceiras, além de áreas de segurança de final de pista em ambas as cabeceiras. O pátio de aeronaves também receberá melhorias, tanto para aviação geral como para aviões comerciais, que passarão a ter quatro posições de estacionamento.

A Aena entrega até dezembro o anteprojeto à Anac com os planos para a modernização do terminal. As obras devem começar no segundo semestre de 2024, com previsão de entrega em 2026.

Em agosto do ano passado, a Aena venceu a licitação da sétima rodada de concessões para gerir 11 aeroportos nos Estados de Minas Gerais, São Paulo, Mato Grosso do Sul e Pará. O aeroporto de Corumbá é o quinto dessa rodada a passar para o controle da Aena. A empresa assumirá a operação dos demais aeroportos, de forma escalonada, até o dia 30 de novembro.

Atualmente, a companhia opera os aeroportos de Congonhas, em São Paulo, Campo Grande (MS), Ponta Porã (MS), Uberlândia (MG), Recife (PE), Maceió (AL), João Pessoa (PB), Aracaju (SE), Campina Grande (PB) e Juazeiro do Norte (CE).

Ao final do processo da nova rodada, a Aena estará presente em nove estados do país, com a gestão de 17 equipamentos que são responsáveis por cerca de 20% do tráfego aéreo nacional.

Sobre a Aena Brasil

Aena Brasil é a marca registrada da companhia espanhola Aena, considerada pelo Conselho Internacional de Aeroportos como a maior operadora aeroportuária do mundo em número de passageiros, com mais de 275,2 milhões em 2019 na Espanha. Desde começo de 2020, administra a concessão de seis aeroportos da região Nordeste: Recife (PE), Juazeiro do Norte (CE), João Pessoa (PB), Campina Grande (PB), Aracaju (SE) e Maceió (AL). Em 2019, os seis aeroportos somaram 13,7 milhões de passageiros. Agora, a concessionária começa a assumir a gestão de 11 novos aeródromos no país: Congonhas (SP), Campo Grande, Corumbá e Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul; Uberlândia, Uberaba e Montes Claros, em Minas Gerais; e Marabá, Carajá, Santarém e Altamira, no Pará. Na Espanha, opera 46 aeroportos e 2 heliportos. É acionista controlador, com 51%, do aeroporto de Londres-Luton no Reino Unido, além de gerenciar aeroportos no México (12), Colômbia (2) e Jamaica (2), que totalizaram um volume de passageiros de 78,2 milhões em 2019.


Deixe um Comentário